Entre ou Cadastre-se

Seu espaço de trocas intelectuais

Debatte

A Física influencia a Arte?

Muito tem-se falado nas redes sociais e em alguns artigos sobre a influência da Física na Arte. Os diversos acontecimentos ao longo dos séculos no campo da Física teórica terão, realmente, influenciado a Arte?

Júlio Verne (1828-1905) é considerado por muitos o pai da ficção científica seguido pela escritora Mary Shelley (1797-1851) que, ao escrever Frankenstein introduz no campo literário (pela primeira vez) a ficção científica.

Graças à sua imaginação e nuances da realidade por ela observada, envolve os seus leitores numa narrativa fantástica e inverossímil, até que a ciência prove o contrário.

H. G. Wells (1866-1946) foi outro autor, também britânico como a anterior, com uma profícua produção literária, cujas obras previram acontecimentos científicos que tornaram-se realidade séculos depois.

Ainda no campo da literatura podemos citar outros nomes de grande destaque: Thomas Mann (1875-1955), Marcel Proust (1871-1922), Oscar Wilde (1854-1900), William Faulkner (1897-1962), William B. Yeats (1865-1939), Edgar Allan Poe (1809-1849), Friedrich Dürrenmatt (1921-1990), Dostoiévski (1821-1881), Luigi Pirandello (1867-1936)”, são alguns apontados como escritores influenciados pela Física.

Contudo, uma análise feita por quem ama ler e estudar ambos os temas (Física e Arte), verifica serem falsas tais afirmações.

Ainda que não esteja me dirigindo aos amantes da literatura, uma rápida consulta aos meios que a tecnologia nos oferece: Google, YouTube et cetera, mostra que não será encontrado nenhum artigo da Física que justifique as criações literárias desses grandes expoentes da cultura universal.

Deixe um comentário

Compartilhe o Post:

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.